FVM Learning

Nosso maior compromisso é compartilhar conhecimentos, somos simples mas não simplórios, astuto mas não pacóvio, nos posicionamos empenhados em mostrar o caminho para desmistificação do opróbrio em legítima defesa do conhecimento compartilhado. Eng. Jemerson Marques.
Mostrando postagens com marcador Eletrônica. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Eletrônica. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 20 de outubro de 2020

Pré-Amplificador Alto Ganho com CI TL071 + PCI

Pré-Amplificador Alto Ganho com CI TL071 + PCI

Olá a Todos!!!

No post de hoje, iremos apresentar um Pré-Amplificador com ótima qualidade sonora, com baixo ruído e baixa distorção harmônica (THD), o consumo é bastante baixo 1.4mA  podendo ser alimentado também por uma bateria de 9V. O circuito pré-amplificador é baseado no Circuito Integrado TL071.
O TL071 é um amplificador operacional de entrada JFET de baixo ruído que combina duas tecnologias analógicas de última geração em um único circuito integrado monolítico. Cada amplificador operacional com compensação interna tem um dispositivo de entrada JFET de alta tensão bem combinado para baixa tensão de deslocamento de entrada. A tecnologia BIFET fornece larguras de banda amplas e taxas de variação rápidas com baixas correntes de polarização de entrada, correntes de deslocamento de entrada e correntes de alimentação. Além disso, os dispositivos apresentam baixo ruído e baixa distorção harmônica, tornando-os ideais para uso em aplicações de amplificadores de áudio de alta fidelidade.
Esses dispositivos estão disponíveis em amplificadores operacionais simples, duplos e quádruplos que são compatíveis com os pinos do padrão da indústria MC1741, MC1458 e o produto bipolar MC3403 / LM324.

Características

  • Amplo modo comum (até vcc +) e faixa de tensão diferencial
  • Baixa polarização de entrada e corrente de deslocamento
  • Baixo ruído en = 15nv / √hz (típico)
  • Proteção contra curto-circuito de saída
  • Estágio de entrada j – fet de alta impedância de entrada
  • Distorção harmônica baixa: 0,01% (típico)
  • Compensação de frequência interna
  • Operação livre de travamento
  • Alta taxa de variação: 16v / µs (típico)

Diagrama esquemático

Na figura 2 temos o diagrama esquemático do Circuito Pré-Amplificador Alto Ganho com CI TL071, como podemos observar no diagrama esquemático, são poucos os componentes externos existentes no circuitos, tornando o circuito bastante simples para ser montado.
Fig. 2 - Circuito Pré-amplificador Alto Ganho com CI TL071

A alimentação desse Pré-Amplificador pode ser feita através da tensão entre 11V 15V DC, e você pode estar utilizando essas tensões diacordo com o seu projeto.

Lista de Material

  • U1 ----------------- Circuito Integrado TL071
  • R1, R2 ------------ Resistor 1/8w 62K 
  • R3 ----------------- Resistor 1/8w 10K
  • C1 ----------------- Capacitor eletrolítico 1uF - 16V 
  • C2, C3 ------------ Capacitor eletrolítico 47uF - 16V
  • C4 ----------------- Capacitor eletrolítico 100uF - 16V
  • POT1 ------------- Potenciômetro 10KΩ
  • P1, P2, P3 ------- Conector tipo terminal parafusado 5mm 2 Pinos
  • Outros ------------ Fios, Soldas, bateria, placa de circuit impresso, etc.
Fig. 3 - PCI Pré-Amplificador Alto Ganho com CI TL071

Estamos dispondo para Download os materiais necessários para quem deseja montar com a PCI - Placa de Circuito Impresso, os arquivos em PNG, PDF e arquivos GERBER para quem deseja enviar para impressão.

Download:


E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logos estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click Aqui FVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Amplificador de Audio 24W, 12V com CI TDA1516BQ + PCI

Amplificador de Audio 24W, 12V com CI TDA1516BQ + PCI

Olá a Todos!!!

No post de hoje, iremos montar um ótimo e bastante interessante amplificador de áudio, que devido a sua simplicidade, ele é ótimo para ser montado até mesmo pelos mais iniciantes na eletrônica. 
E não é por ser simples que é ruim, pelo contrário ele é um amplificador com boa qualidade sonora e entrega uma boa potência de saída 24W alimentado por uma tensão de apenas 12V
O que abre um grande leque de possibilidades para ser montado em diversos projetos do tipo FVM. E tudo baseado apenas no Circuito Integrado TDA1516BQ

Descrição

TDA1516BQ é um amplificador de audio com saída do tipo  Classe B integrado em um encapsulamento de plástico single-in-line (SlL) de 13 derivações, ele contém dois amplificadores idênticos com estágios de entrada diferencial. Ele pode ser usado para aplicações de ponte. O ganho de cada amplificador é fixado em 20 dB.
Um recurso especial deste dispositivo é a chave mudo / stand-by, que possui os seguintes recursos:
  • baixa corrente de espera (<100 µA)
  • baixa corrente de comutação mudo / stand-by (interruptor de alimentação de baixo custo)
  • condição mudo.

Características

  • Requer muito poucos componentes externos
  • Flexibilidade em uso - estéreo, bem como mono BTL
  • Alta potência de saída (sem bootstrap)
  • Baixa tensão de deslocamento na saída (importante para BTL)
  • Ganho fixo
  • Boa rejeição de ondulação
  • Interruptor de mudo / stand-by
  • Proteção contra descarga de carga
  • AC e DC seguro contra curto-circuito para aterramento e VP
  • Proteção térmica
  • Polaridade reversa segura
  • Capacidade de lidar com alta energia nas saídas (VP = 0 V)
  • Nenhum plop de ligar / desligar
  • Baixa resistência térmica
  • Entradas idênticas (inversora e não inversora)
  • Compatível com TDA1518Q (exceto ganho)
Na figura 2 temos o diagrama esquemático do circuito Amplificador de Audio 24W, 12V com CI TDA1516BQ, como podemos visualizar, são poucos os componentes externos, ele é de fácil montagem, e tem alta qualidade sonora, tornando um excelente amplificador para se montar, com baixo custo e alta performance.
Fig. 2 - Diagrama esquemático Amplificador de Audio 24W, 12V com CI TDA1516BQ

APLICAÇÕES

  • Sistemas de áudio de alto desempenho
  • Amplificadores de ponte
  • Fonógrafos estéreo
  • Cabeçotes para instrumento
  • Sistemas de instrumentos "Retorno individual"
Fig. 3 - PCI Amplificador de Audio 24W, 12V com CI TDA1516BQ

Estamos dispondo para Download os materiais necessários para quem deseja montar com a PCI - Placa de Circuito Impresso, os arquivos em PNG, PDF e arquivos GERBER para quem deseja enviar para impressão.

Download:

Lista de Peças

CI 1 -------------- Circuito Integrado TDA1516BQ
C2 ---------------  Capacitor poliéster 220nF
P1, P2, P3 ------- Conector tipo terminal parafusado 5mm 2 Pinos
S1 ---------------- Conector terminal Dip 2 Pinos
Diversos --------- Placa Circuito Impresso, radiador de calor, estanho, fios, etc.

E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logo estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click aqui - FVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

quarta-feira, 14 de outubro de 2020

Amplificador Simples de 100W RMS com TIP35 e TIP36 + PCI

Amplificador Simples de 100W RMS com TIP35 e TIP36 + PCI

Olá a Todos!!!

No post de hoje iremos montar um amplificado de audio com uma boa qualidade sonora e com apenas dois transistores complementares na saída, TIP35C e TIP36C. É um circuito simples de se montar, o número de componentes é moderado, no entanto, é necessário ter conhecimentos de eletrônica para montar esse circuito amplificador. A fonte de alimentação é do tipo Simétrica (+45V | 0 -45V), com corrente de 3 Amperes
E você pode está fazendo dois circuitos desses para poder trabalhar com dois canais tornando-o um amplificador estéreo.

Na figura 2 logo abaixo temos o diagrama esquemático do circuito amplificador, e como podemos ver, é um circuito simples e de fácil montagem, porém como já dito, é necessário ter no mínimo conhecimento básico de eletrônica para montar esse circuito amplificador, e devemos levar em conta que a sua fonte tenha proteção contra curto circuito, e nunca devemos logo depois que aprontamos o circuito, ligá-lo sem observar se há algum curto-circuito, se há componentes invertidos etc, na Placa de Circuito impresso que está disponível para baixar no final desse Post, deixamos a layout com o nome dos componentes e suas polarizações para facilitar a montagem.

Fig. 2 - Esquemático Amplificador de Audio 100W RMS com Transistores TIP35 e TIP36

A carga ôhmica suportada na saída desse amplificador é de 4 à 8 ohms. Utilize um Radiador de Calor  para poder dissipar toda a temperatura gerada pelos transistores de saída, senão você irá queimar os transistores de saída. 

A fonte de alimentação é simétrica, e deve ser dotada de [-45V,  0V,  +45V] com pelo menos 3 Amperes de corrente, para o modo mono, se for montar estéreo, "dois canais", a corrente deverá ser dobrada para 6 Amperes, e com uma boa filtragem para evitar ripple advinda da fonte de alimentação o que pode causar ruídos no amplificador.

Lista de Materiais

Q1, Q2 --------- Transistors PNP 2N5401
Q3, Q4 --------- Transistores NPN TIP41C
Q5 -------------- Transistor PNP TIP42C
Q6 -------------- Transistor Complementar NPN TIP35C
Q7 -------------- Transistor Complementar PNP TIP36C
D1, D2, D3 ---- Diodos 1N4007

C1--------------- Capacitores Eletrolítico 2.2uF / 25v 
C2, C4 --------- Capacitores Eletrolítico 56uF / 65v
C3 -------------- Capacitor cerâmico 150pF
C5 -------------- Capacitor cerâmico 100nF

R1, R5 --------- Resistores 68K Ohm 1/8W (azul, cinza, laranja, ouro)
R2 -------------- Resistor 4.7K  1/ 8W (amarelo, violeta, vermelho, ouro)
R3 -------------- Resistor 100K ohms 1/8W (marrom, preto, amarelo, ouro)
R4 -------------- Resistor 1.2K Ohm  1/8W (marrom, vermelho, vermelho, ouro)
R6, R7 --------- Resistor 3.3K Ohms 1/8W (laranja, laranja, vermelho, ouro)
R8, R9 --------- Resistor 0.22 Ohm 5W (vermelho, vermelho, prata)
R10 -------------Resistor 10 Ohms 1/8W (marrom, preto, preto, ouro)
R11 -------------Resistor 10 Ohms 1W (marrom, preto, preto, ouro)

L1 -------------- Bobina Núcleo de Ar 10 Espiras 18AWG, Núcleo 3/8" 
P1, P2 --------- Conector tipo terminal parafusado 5mm 2 Pinos
P3 -------------- Conector tipo terminal parafusado 5mm 3 Pinos
Diversos ------ Dissipador de calor para Q1 e Q2, fios, conectores, estanho etc.

Estamos dispondo para Download os materiais necessários para quem deseja montar com a PCI - Placa de Circuito Impresso, do Amplificador Simples de 100W RMS com TIP35 e TIP36, e os arquivos em PNG, PDF e arquivos GERBER para quem deseja enviar para impressão.
Fig. 3 - Amplificador Simples de 100W RMS com TIP35 e TIP36 

Download:


E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!
Qualquer dúvida, digita nos comentários que logos estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click Aqui FVM Learning!!!
Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

sábado, 10 de outubro de 2020

Amplificador de Audio HI-END 30W RMS Fonte Simétrica com LM1875 + PCI

Amplificador de Audio HI-END 30W RMS Fonte Simétrica com LM1875 + PCI

Olá a todos!!!

Fig. 1 - Amplificador de audio HI-END
No Post de hoje, iremos montar um Amplificador de Audio HI-END com 30W RMS de potência utilizando uma fonte simétrica com o Circuito Integrado LM1875. Esse CI é um amplificador de potência monolítico de baixíssima distorção e alto desempenho com alta qualidade de áudio.

LM1875 entrega em sua saída 20W com um alto falante com carga de 4Ω ou 8Ω em fontes de 25V, utilizando uma carga de  e 30V de alimentação, ele pode fornecer na sua saída mais de 30 Watts de Potência em RMS.

Características

Esse amplificador é projetado para operar com um mínimo de componentes externos. Ele vem com proteção contra sobrecarga, internamente esse dispositivos tem um limitador de corrente e desligamento. 
LM1875 alcança baixos níveis de distorção mesmo em níveis de potência de saída elevados, tem alto ganho, rápida taxa de variação e um largura de, banda larga de potência, balanço grande da tensão de saída, e uma escala muito larga para tensões de alimentação. Esse amplificador é compensado internamente e estável para ganhos de 10 ou mais.

Na figura 2 temos o diagrama esquemático do circuito amplificador, como podemos visualizar, são poucos os componentes externos, ele é de fácil montagem, e tem alta qualidade sonora, tornando um excelente amplificador para se montar, com baixo custo e alta performance.
Fig. 2 - Diagrama esquemático Amplificador HI-END com CI LM1875

Caracteristcas 

  • Até 30 watts RMS de potência de saída
  • Ganho tipicamente 90 dB
  • Baixa distorção: 0,015%, 1kHz, 20W
  • Largura da banda larga: 70kHz
  • Proteção contra curto circuito CA e CC
  • Proteção formal com circuito de liberdade condicional
  • Alta capacidade de corrente: 4A
  • Ampla faixa de alimentação 16V - 60V
  • Diodos de proteção de saída interna
  • Rejeição de ondulação de 94 dB
  • Encapsulamento TO-220

APLICAÇÕES

  • Sistemas de áudio de alto desempenho
  • Amplificadores de ponte
  • Fonógrafos estéreo
  • Cabeçotes para instrumento
  • Sistemas de instrumentos "Retorno individual"
Estamos dispondo para Download os materiais necessários para quem deseja montar com a PCI - Placa de Circuito Impresso, os arquivos em PNG, PDF e arquivos GERBER para quem deseja enviar para impressão.

OBS.: Esse Artigo foi baseado no site Electronic Circuits, eles são um dos nossos parceiros, e por isso, nos é reservado o direito de traduzirmos e postarmos aqui na FVML, como também de colocarmos as PCIs para você que nos acompanha baixar sem custo algum. 
Fig. 3 - PCI - Placa de circuito impresso com disposição de componentes

Download:


Lista de Peças

CI 1 --------- Circuito Integrado LM1875
R1 ----------- Resistor 1/8W 1MΩ (marrom, preto, amarelo)
R2 ----------- Resistor 1/8W 22KΩ (vermelho, vermelho, laranja)
R3 ----------- Resistor 1/8W 1KΩ (marrom, preto, vermelho)
R4 ----------- Resistor 1/8W 20K (vermelho, preto, laranja)
R5 ----------- Resistor 1/8W 1 ohms (marrom, preto, ouro)
C1 ----------- Capacitor poliéster 2,2μF
C2 ----------- Capacitor eletrolítico 22μF / 25V
C3, C4 -----  Capacitor poliéster 0,1μF
C5 ----------- Capacitor Cerâmico 0,22μF
C6, C7 ------ Capacitor eletrolítico 100μF/70V
P1, P3 ------- Conector tipo terminal parafusado 5mm 2 Pinos
P2 ----------- Conector tipo terminal parafusado 5mm 3 Pinos
Diversos ---- Placa Circuito Impresso, radiador de calor, estanho, fios, etc.

E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logo estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click aqui - FVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

quarta-feira, 7 de outubro de 2020

Como Montar Cabo para LIVE - Instagram, Facebook, Youtube - Da mesa para o Celular

Como Montar Cabo para LIVE - Instagram, Facebook, Youtube - Da mesa para o Celular

Olá a todos!!

No post de hoje, iremos montar um cabo de áudio específico para transferir o Audio de seu sistema de som, que pode ser; uma mesa de som, um computador, uma interface de audio ou qualquer outro fonte sonora que você precisa transmitir através do seu celular para fazer a sua LIVE de forma mais profissional, ao invés de tentar fazer uma LIVE de sua banda, ou seu culto de igreja, palestra e etc, capturando o audio com o próprio microfone do seu Telefone, isso não é nada legal, pois o som sai muito ruim, distorcido e com muito ruído indesejado, sendo difícil conseguir um publico estável em suas LIVES.

Pois bem, o que é necessário para se fazer uma LIVE com baixíssimo custo, é a utilização de um cabo de Audio, que faça a transferência do sinal de audio que venha do sistema de som para o seu Smartphone, porém, não é somente colocar um cabo com Conector TRS P2, "aqueles de Headphone", para Canon, que vai funcionar... Para quem quiser, já pode obter o cabo já pronto como mostrado na Figura 2 abaixo.
Fig. 2 - Cabo Para Live Plug P3 TRRS para XLR

Os Conectores de Áudio

Para esse projeto, iremos utilizar dois conectores, conforme mostrado na Figura 3 abaixo:
Fig. 3 - Conector XLR Fêmea e Conector P3 Macho

  • O conector XLR - Será utilizado na saída do dispositivo de audio, que no nosso exemplo, utilizaremos na saída auxiliar da mesa de som, que irá enviar o audio para a entrada do smartphone, ele é um conector de três pinos conhecido como plug Canon. Na lista abaixo temos as características e parâmetros do conector:
    • Tipo - Plug XLR
    • Número de Vias - 3
    • Diâmetro - 6,35 mm
    • Característica - Fêmea
    • Versão - Soldável
  • O conector P3 - Será O Plug necessário para fazer a conexão de recebimento de audio no Smartphone, ele é um plug do tipo TRRS - Tip/Ring/Ring/Sleeve. Esse Plug tem algumas características e parâmetros a ser considerado para a escolher-los corretamente na lista abaixo:
    • Tipo - Plug P3
    • Número de Vias - 4, TRRS
    • Diâmetro -  3,5 mm
    • Característica - Macho
    • Versão - Soldável
É importante lembrar, que existem duas configurações padrões utilizadas pelos fabricantes de dispositivos móveis, e em alguns dispositivos esses parâmetros, que no caso estamos falando da conexão do Microfone, que é a que vamos utilizar, eles vem invertidos, como mostrado na Figura 4 abaixo, em alguns dispositivo o negativo "terra" do microfone está conectado no ultimo Anel de contato, e em outros casos, o negativo está conectado ao Anel 3 do Plug, o padrão mais comum adotado pela maioria dos Smartphone, "o que tenho utilizado com Smartphone da Samsung" é a do lado direito da Figura 3, que o terra é ligado ao Anel 3 e o positivo ao Anel 4.    

Fig. 4 - Padrões e tipo de ligações Conectores P3

O Cabo de Audio

Todos nós sabemos que, para ter uma boa qualidade de audio em nosso sistema sonoro, é necessário a utilização de cabos de boa qualidade, isso evita os tais "hams", "zumbidos", roncos no canal de audio do nosso sistema, e até mesmo, corte das frequências "principalmente as mais altas" dos nossos instrumentos, então, é importante destacar que, o cabo tenha no mínimo os parâmetros básicos listado abaixo:
  • Tipo - Blindado
  • Número de Vias - 2 Vias
  • Modalidade - Cabo flexível
  • Blindagem - Em Trança ou Espiral
É necessário também, verificar-mos a bitola do cabo, para não termos problemas na hora de soldarmos, pois se o cabo for muito grosso, pode acontecer de não caber no orifício de entrada da envolucro do Plug P3, que tem o diâmetro menor, então sempre verifique o diâmetro da envolucro do plug e o do cabo.

Diagrama Esquemático

Existem como já mencionado acima, dois tipos de ligações que são utilizados, e para não termos nenhum problema com essas ligações, pois depende muito de qual Smartphone você está utilizando, iremos deixar diagrama esquemático das duas configurações.

O Primeiro diagrama sugerido na Figura 5 abaixo, é de negativo aterrado, essa configuração em muito utilizada em fones de ouvidos da Nokia por exemplo, pelo qual o Positivo do Microfone externo é ligado no terceiro anel do Conector P3, e o Negativo do Microfone é ligado ao Terra do conector, sendo esse o negativo comum para todos.

Fig 5 - Configuração ligação XLR P3 em Terra comum

O Segundo diagrama sugerido na Figura 6 abaixo, é onde o negativo do Microfone está conectado no Terceiro Anel do Plug P3, e esse Negativo é comum a todos, essa configuração na maioria dos Smartphones atualmente, como por exemplo os da Samsung por exemplo.
Fig. 6 - Ligação Conector XLR para P3 - Padrão mais utilizado atualmente

Depois de selecionado o tipo de cabo que você irá montar, é bom sempre ficar atento a alguns princípios básicos para executar a montagem do seu cabo e não ter dor de cabeça depois. Vamos as dicas de montagem:
  1. Escolha Conectores e Cabos de boa qualidade - Pode ser um pouco mais caro, mas vai te evitar de ter dores de cabeça futuramente.
  2. Quando for montar, fique atento as numerações do Conector XLR - Pois a numeração do conector quando de frente para você, é uma, quando de costa para você ele inverte o lado, por esse motivo tirei uma foto do plug real já com o lado correto para você não se confundir. 
  3. Antes de estanhar, coloque os  envolucro, cápsula, embolo, como queira chama, antes de soldar, é comum esquecermos disso.
  4. Ao estanhar "soldar" o cabo no conector P3, seja o mais rápido possível - Quando se solda um plug desse que seus contatos são separados com plastico, você corre o risco de derreter as conexões e fechar um curto, dando problemas no seu cabo e possível problema em seu celular.
  5. E por fim, verifique quando terminar tudo, se o plug não tem curto-circuito, e teste a continuidade de todos os anéis.
E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logos estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click Aqui FVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

terça-feira, 6 de outubro de 2020

VU Meter 8 LEDs Bargraph com CI LM339 + PCI

VU Meter 8 LEDs Bargraph com CI LM339 + Placa de Circuito Impresso

Olá a Todos!!!

Fig. 1 - VU Meter 8 LEDs com CI LM339

No post de hoje, iremos montar um circuito VU Meter de 8 LEDs utilizando o Circuito Integrado LM339, esse CI consiste em comparador de tensão  de precisão quadruplo e independentes com uma tensão de deslocamento, suas especificações tão baixas quanto 2mV Máx. para LM339A, LM239A e LM139A
Podemos utilizar todos esses comparadores com fontes de alimentação do tipo simétricas com tensões Positivas, Terra e Negativas, no entanto, para facilitar a montagem para os mais novatos na eletrônicas, iremos está montando com fonte de alimentação simples. 

Características

  • Ampla faixa de tensão de alimentação única ou dupla alimentação para todos os dispositivos: + 2v a + 36v ou ± 1v a ± 18v
  • Corrente de fornecimento muito baixa (1,1ma) independente da tensão de alimentação (1,4mw / comparador a + 5v)
  • Corrente de baixa entrada de bias: 25na typ
  • Corrente de compensação de baixa entrada: ± 5na typ
  • Baixa tensão de compensação de entrada: ± 1mv typ
  • A faixa de tensão do modo comum de entrada inclui terra
  • Baixa tensão de saturação de saída: 250mv typ; (io = 4ma)
  • Faixa de tensão de entrada diferencial igual à tensão de fornecimento
  • TTL, DTL, ECL, MOS, saídas compatíveis com CMOS
O diagrama esquemático do VU Meter 8 LEDs com CI LM339 está disposto na Figura 2 logo abaixo, e como podemos a sua complexidade é mediana, utilizando dois Circuitos Integrados LM339, no entanto estamos dispondo a Placa de Circuito Impresso, e nela tem o nome dos componentes impresso na própria placa, o que facilita a montagem até mesmo para os menos experientes. O RV1, é um trimpot desenhado para executar a calibração do sinal de entrada do VU. 

Fig. 2 - Diagrama esquemático VU Meter 8 LEDs com CI LM339

Lista de Material

  • U1, U2 ----------------- Circuito Integrado LM339
  • RP1 --------------------- Trimpot de 10K ohms
  • R1 ----------------------- Resistor 1/8w de 100K – (marrom, preto, amarelo)
  • R2 ----------------------- Resistor 1/8w de 18K – (marrom, cinza, laranja)
  • R3 ----------------------- Resistor 1/8w de 3K – (laranja, preto, laranja)
  • R4 ----------------------- Resistor 1/8w de 2.2K – (vermelho, vermelho, vermelho)
  • R5 ----------------------- Resistor 1/8w de 1.6K – (marrom, azul, vermelho)
  • R6 ----------------------- Resistor 1/8w de 1K – (marrom, preto, vermelho)
  • R7 ----------------------- Resistor 1/8w de 820 – (cinza, vermelho, marrom)
  • R8 ----------------------- Resistor 1/8w de 620 – (azul, vermelho, marrom)
  • R9 ----------------------- Resistor 1/8w de 390 – (laranja, branco, marrom)
  • R11, R12, R13, R14 -- Resistor 1/8w de 1K – (marrom, preto, vermelho)
  • R15, R16, R17, R18 -- Resistor 1/8w de 1K – (marrom, preto, vermelho)
  • LED1 à LED8 --------- Diodos Emissor de Luz - LEDs comum 3mm ou 5mm
  • C1 –--------------------- Capacitor eletrolítico 1uF - 25V 
  • P1, P2 ------------------ Terminal tipo Bloco Parafusado soldável 2-Pinos, 5 mm 
  • Outros ------------------ PCI, Fios, Solda, Caixa, etc.
Estamos dispondo para Download os materiais necessários para quem deseja montar com a placa sugerida os arquivos em GEBER, PNG, Layout em PDF, para quem deseja enviar para impressão.
Fig. 3 - PCI VU Meter com LM339

Arquivos para Download:

Link Direto para baixar: Arquivos PNG, PDF, GERBER

E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logos estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click aqui - FVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

domingo, 4 de outubro de 2020

Fonte Ajustável 1.2 à 37V - 7A com proteção de curto-circuito com CI LM723

Fonte Ajustável 1.2 à 37V - 7A com proteção de curto-circuito com CI LM723

No post de hoje, iremos montar uma fonte para bancada regulável com uma tensão que varia entre 1.2 à 37V Corrente Contínua, com proteção contra curto-circuito, um circuito simples utilizando o velho e versátil Circuito Integrado LM723, que é perfeito para ser utilizado em bancada, já que constantemente estamos executando projetos que em muitas vezes acontecem interpéries não esperada e que ocasionam geralmente a queima da fonte quando não se tem proteção.

O diagrama esquemático da Fonte Ajustável está disposto na Figura 2 logo abaixo, como podemos ver, o circuito projetado, tem a sua entrada de 27V CA, ou seja vindo direto de um transformador, que tem suas especificações da entrada de tensão "Primário" de acordo com sua rede elétrica, 220V ou 110V, e sua saída "Secundário", de 27V CA, que quando passar pelo circuito de retificação e filtro, a tensão será elevada para próximo dos 40V. 

Fig. 2 - Fonte Ajustável 1.2 à 37V - 7A com proteção de curto-circuito com CI LM723

Seguimos a fórmula básica para se calcular essa tensão após o filtro, que é .
Formula: 
Vca * √2 = Vcc

Vca - Tensão de entrada - Corrente Alternada
√2 = 1.414 - é da fórmula
Vcc = Tensão de saída - Corrente Contínua

Que no nosso caso fica assim:
Vca = 27V

27 * 1.414 = 38.18V

Isso na teoria, o que acontece que na prática pode variar um pouco, pois não só depende dos cálculos, mas também da precisão dos componentes, desgastes, tolerâncias e etc... mas  os valores sempre estão bem próximos.

A corrente do transformador deve ser no mínimo de 7A. A retificação e filtro já está integrada no própria circuito, que provém de uma ponte D1 KBPC5010 que é uma ponte de diodos para 50A, você pode está utilizando outro tipo de ponte, no entanto fique atento que no mínimo a ponte de diodos tenha o dobro da corrente do circuito ou seja, ao menos entre 15 á 20A para não have aquecimento do mesmo.
Devemos também estar certo de utilizarmos um dissipador de calor nos dois transistores de potência TIP35C.

Características da Fonte

  • Proteção contra sobrecargas
  • Proteção contra Curto-circuito
  • Alta Corrente de Saída: 7A
  • Tensão de ondulação de saída: ~ 0,5 mV
  • Tensão de saída: ajustável de 1.2 a 37V
  • Tensão de entrada: 27Vca

Lista de componentes

U1 ----------------------- Circuito Integrado LM723
Q1 ----------------------- Transistor NPN BD139
Q2, Q3 ------------------ Transistor NPN TIP35C
D1 ------------------------ Ponte de Diodo KBPC5010
LED1 -------------------- Led 3mm de uso geral
R1 ------------------------ Resistor 8.2KΩ 1/8w 
R2 ------------------------ Resistor 2.2KΩ 1/8w 
R3 ------------------------ Resistor 560Ω 1/8w  
R4 ------------------------ Resistor 3.9KΩ 1/8w
R5 ------------------------ Resistor 15KΩ 1/8w
R6 ------------------------ Resistor 0.15Ω 10W
R7, R8 ------------------- Resistor 0.15Ω 5W
C1 ------------------------ Capacitor Eletrolítico 4.700µF 50V
C2, C3  ------------------ Capacitor de Cerâmico/Poliéster 1nF
C4 ------------------------ Capacitor Eletrolítico 1000µF 50V
POT1 -------------------- Potenciômetro 5KΩ
P1, P2 ------------------- Terminal tipo Bloco Parafusado soldável 2-Pinos, 5 mm
Outros ------------------  PCI, Fios, Solda, Caixa, Knob Radiador de Calor, etc.

O layout da Placa de Circuito Impresso está disposto logo abaixo na Figura 3, e estamos dispondo todos os arquivos necessários para você poder imprimir a sua PCI, com os arquivos GERBER, Layout em PDF, PNG, tudo com um link direto para você poder baixar e montar o seu.
Fig. 3 -  Layout da placa Circuito Impresso 3D

Download

Link Direto: Arquivos PNG, PDF, GERBER

E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logos estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click aqui - FVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

terça-feira, 29 de setembro de 2020

Amplificador HI-FI 70W Estéreo - Alta Fidelidade com o TDA2050 + PCI

Amplificador HI-FI 70W Estéreo - Alta Fidelidade com o TDA2050 + PCI

A algum tempo atrás, postamos aqui em nosso site, um Circuito Amplificador com o Circuito Integrado TDA2050 que entrega 35W RMS de potência, é um amplificador com excelente qualidade, e você pode está acompanhado ele no link que abaixo:

Amplificador HI-FI 35W - 12V com o TDA2050

No Post de hoje iremos montar um Amplificador HI-FI de Alta Fidelidade, Estéreo que entrega 70W  RMS - com dois Circuitos Integrado TDA2050.

O TDA2050 é um circuito integrado monolítico em encapsulamento Pentawatt®, destinado a ser usado como amplificador Classe AB de baixa frequência. Normalmente, fornece potência de saída de 35W RMS com carga de 4 Ohm, THD = 10%, VS = ±18V, F = 1KHz, e até 32W RMS em carga de 8 Ohm, THD = 10%, VS = ±22V, F = 1KHz.

TDA2050 - Fornece uma saída de alta corrente e distorção harmônica muito baixa, ele incorpora um sistema de proteção contra curto-circuito, um arranjo para limitar automaticamente a energia dissipada, de modo a manter o ponto de trabalho dos transistores de saída dentro de sua área segura de operação, ou seja, um sistema convencional de desligamento térmico.

PROTEÇÃO CONTRA CURTO-CIRCUITO

TDA2050 possui um circuito original que limita corrente dos transistores de saída internos, a corrente de saída máxima é uma função do tensão do emissor coletor; daí os transistores de saída trabalhar dentro de sua área de operação segura. Esta função pode, portanto, ser considerada como sendo limitação de potência de pico, em vez de simples limitação de corrente. Reduz a possibilidade de o dispositivo ser danificado durante um curto-circuito acidental na saída.

DESLIGAMENTO TÉRMICO

A presença de um circuito limitador térmico oferece a seguintes vantagens:
  1. Uma sobrecarga na saída (mesmo que seja permanente), ou uma temperatura ambiente acima do limite pode ser facilmente suportado, pois o Tj não pode ser superior a 150°C.
  2. dissipador de calor pode ter um fator menor de segurança comparado com o de um circuito convencional. Não há possibilidade de danos ao dispositivo devido a alta temperatura de junção. Se por algum motivo, o a temperatura da junção aumenta até 150°C, o desligamento térmico simplesmente reduz a potência dissipação no consumo atual. 
  3. A dissipação de energia máxima permitida depende sobre o tamanho do dissipador de calor externo (ou seja, resistência térmica); esta potência é dissipável em função da temperatura ambiente para resistência térmica diferente.
O circuito proposto é estéreo, tem-se dois canais de entrada de dois de saída, e seu diagrama  esquemático está disposto na Figura 2 abaixo, e como podemos verificar, é o mesmo circuito do amplificador de 35W, porém é duplicado tornando-o estéreo, o circuito é bastante simples, e pode ser facilmente montado até mesmo por pessoas que não tenham tanta experiência em montagens de circuitos eletrônico, no entanto é necessário ter conhecimento de eletrônica.
Fig. 2 - Diagrama esquemático do Amplificador HI-FI com TDA2050

Lista de componentes

U1, U2 ---------------------------------------- Circuito Integrado TDA2050
R1, R2, R3, R5, R8, R10, R11, R12 ------ Resistor 22KΩ 1/4w 
R4, R9 ---------------------------------------- Resistor 680Ω 1/4w 
R6, R7 ---------------------------------------- Resistor 2.2Ω 1/4w  
C1, C14 -------------------------------------- Capacitor Eletrolítico 2.2µF 25V
C2, C15 -------------------------------------- Capacitor Eletrolítico 100µF 25V
C3, C7, C8, C9 ----------------------------- Capacitor Eletrolítico 1000µF 35V 
C4, C12 -------------------------------------- Capacitor Eletrolítico 22uF 25V
C5, C11 -------------------------------------- Capacitor de Poliéster 100nF
C6, C10 -------------------------------------- Capacitor de Poliéster 0.47µF
RP1, RP2 ------------------------------------- Potenciômetro 47KΩ
P1, P3 ----------------------------------------- Terminal tipo Bloco Parafusado soldável 3-Pinos, 5 mm
P2 --------------------------------------------- Terminal tipo Bloco Parafusado soldável 2-Pinos, 5 mm
Outros ----------------------------------------  PCI, Fios, Solda, Caixa, Knob Radiador de Calor, etc.

O layout da Placa de Circuito Impresso está disposto logo abaixo na Figura 3, e estamos dispondo todos os arquivos necessários para você poder imprimir a sua PCI, com os arquivos GERBER, Layout em PDF, JPG, tudo com um link direto para você poder baixar e montar o seu.

Fig. 3 -  Layout da placa Circuito Impresso 3D 

Download:


O amplificador apresenta uma sonoridade bem satisfatória, com baixa distorção.
Esse amplificador é baseado no Datasheet fabricante, o arquivo original é o do site elcircuits, que faz parte do nosso grupo de parcerias. Para quem deseja mais detalhes pode consultar o site. www.elciruits.com

E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logos estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click aqui - FVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom

quinta-feira, 6 de agosto de 2020

Como fazer um Módulo Relé para dispositivos digitais como; ESP8266, Arduíno, PIC Etc.

Como fazer um Módulo Relé para dispositivos digitais como; ESP8266, Arduíno, PIC Etc.

Olá a Todos!!!
No post de hoje, iremos montar um simples módulo Relê, que poderá ser ativado através de um dispositivo de controle digital, como ESP8266, ESP32, NodeMCU, Wemos, Arduino, PICs, e etc, tudo isso de forma bastante simplificada, e com o custo realmente baixo.

Os Módulos Relés

Módulos Relés, são dispositivos compostos por um conjunto de componentes eletrônico, que juntos conseguem controlar uma carga de alta tensão e alta corrente com apenas um sinal de baixa tensão com baixíssima corrente, e de forma totalmente isolada da rede de alta tensão, o que é bastante interessante para nós que fazemos circuitos para automação, e necessitamos de isolar a rede de energia do nosso circuito de controle.

Os Relés

O relé é um interruptor eletromecânico que é acionado eletricamente por um eletroímã, que quando energizada, a corrente elétrica percorre a bobina criando o campo magnético que faz com que uma pequena aleta ferromagnética mude o estado das conexões de chaveamento do Relé, ocasionando assim o acionamento da carga ou o desligamento da carga, e isso com o circuito de controle independente da carga, ou seja isolado da carga. Com isso nos possibilita controlarmos dispositivos eletrônicos de alta tensão acionado por pequenas tensões e baixa corrente além de tudo isolado da rede controlada.
Existem diversos tipos de relé, mas o que vamos abordar aqui é o mais simples e conhecido, que são os relés de 5 pinos, como podemos visualizar na figura 2 abaixo, mas, vale lembra que o princípio de funcionamento é exatamente semelhante à todos os relés.
Fig. 2 - Relé 5V ,10 Amperes, HJR-3FF-S-Z 5 Pinos

O Circuito

O circuito é bastante simplista, mas não quer dizer que não seja funcional, na verdade ele é exatamente igual aos módulos que compramos já prontos no mercado. 
Existem três configurações que iremos abordar aqui neste Post, e cada um deles teem suas características e suas vantagens e é claro suas desvantagens.

Módulo com isolamento Total:

O módulo de isolamento total é a mais utilizada em circuitos industriais, devido as interpéries indesejadas que acontecem em campo, há uma necessidade de termos total redundância em assegurar o funcionamento e evitar a queima e, ou mal funcionamento de todo os circuitos, na Figura 3 logo abaixo, podemos analisar o diagrama esquemático do circuito do módulo de relés, nessa configuração o circuito da carga não tem nenhum contato com o circuito de ativação, pois é isolado através do Opto-acoplador que emite sinais de Luz para trafegar os comandos de acionamentos e a alimentação do circuito é totalmente independente do circuito de controle, trazendo assim garantias que o circuito módulo de acionamento não irá de maneira alguma interferir no controlador digital, caso aconteça alguma curto-circuito na carga.
Fig. 3 - Módulo Relé isolamento total

Nesta configuração o circuito controlador, Arduíno, ESPs, PICs, CPUs etc., não tem contato algum com o circuito da carga, que tem uma fonte independente para a ativação do Relé, e o Relé isola a carga do circuito de controle.

Lista de Materiais Módulo isolamento Total:

TR1 --------------------------- Transistor NPN de uso geral 2N3904, BC548, etc.
OA ---------------------------- Opto-Acoplador PC817
D1 ----------------------------- Diodo 1N4148, 1N4001, 1N4002... 4007, etc.
LED1 ------------------------- Led de uso geral 3mm vermelho
R1 ----------------------------- Resistor 1K (morron, preto, vermelho)
RL ----------------------------- Relé de 5 Pinos HJR-3FF-S-Z, JQC-3FF-S-Z, etc. 
J1, J2 -------------------------- Conector Barra Macho 2 Pinos
J3 ------------------------------ Borne Conector Kre 3 Vias
Diversos ---------------------- Placa Circuito Impresso, estanho, fios, etc.

Módulo com isolamento Parcial:

Essa configuração quase idêntica ao módulo com isolamento total, o que difere é que a alimentação do circuito Relé é a mesma alimentação do circuito de controle, como podemos ver na Figura 4 logo abaixo, a alimentação de 5 volts do circuito controlador está também conectado ao pino Vcc do circuito para ativar o relé através do Opto-acoplador, e nesta configuração não existe isolamento da fonte de alimentação do relé e a fonte de alimentação do Microcontrolador, no entanto o circuito de acionamento "microcontrolador" ainda tem sua porta digital GPIO isolada do circuito de acionamento através do Opto-acoplador, e a carga ainda está isolamento do circuito, que é ativada através do Relé que é isolado totalmente da carga.
Fig. 4 - Módulo Relé isolamento parcial

Lista de Materiais Módulo isolamento Parcial:

TR1 --------------------------- Transistor NPN de uso geral 2N3904BC548, etc.
OA ---------------------------- Opto-Acoplador PC817
D1 ----------------------------- Diodo 1N41481N40011N4002... 4007, etc.
LED1 ------------------------- Led de uso geral 3mm vermelho
R1 ----------------------------- Resistor 1K (morron, preto, vermelho)
RL ----------------------------- Relé de 5 Pinos HJR-3FF-S-ZJQC-3FF-S-Z, etc. 
J1 ------------------------------ Conector Barra Macho 3 Pinos
J2 ------------------------------ Borne Conector Kre 3 Vias
Diversos ---------------------- Placa Circuito Impresso, estanho, fios, etc.

Módulo simples:

Esse tipo de circuito é o mais simples, e por incrível que pareça é bem utilizado em módulos Relés utilizados em automação residencial, dado a sua simplicidade, o mais simples de todos, ele não tem o circuito de ativação isolado do circuito de controle, pois o pino de sinal digital é conectado diretamente ao transistor que controla o Relé, sendo alimentado com a mesma fonte de alimentação, como mostrado na Figura 5 logo abaixo.
Fig. 5 - Módulo Relé Simples

Lista de Materiais Módulo Simples:

TR1 --------------------------- Transistor NPN de uso geral 2N3904BC548, etc.
D1 ----------------------------- Diodo 1N41481N40011N4002... 4007, etc.
LED1 ------------------------- Led de uso geral 3mm vermelho
R1 ----------------------------- Resistor 1K (morron, preto, vermelho)
R2 ----------------------------- Resistor * Ver texto abaixo
RL ----------------------------- Relé de 5 Pinos HJR-3FF-S-ZJQC-3FF-S-Z, etc. 
J1 ------------------------------ Conector Barra Macho 3 Pinos
J2 ------------------------------ Borne Conector Kre 3 Vias
Diversos ---------------------- Placa Circuito Impresso, estanho, fios, etc.

O resistor R2, é um resistor que serve para limitar corrente no LED, tanto o LED quanto o R2, não são necessários no circuito, servem somente para indicar que o circuito foi ligado na fonte, quando se vai utilizar uma tensão de alimentação independente, Podemos seguir da seguinte maneira:
Par alimentação com uma tensão de:
12V - R2 = 1.2K
9V - R2 =1K
6V - R2 = 560R
3V - Não precisa utilizar R2. 

Existe ainda, a opção de se alimentar esse circuito com uma fonte separada, caso haja necessidade de se utilizar por exemplo um Relé de 12V, o que é necessário fazer, é simplesmente cortar a ligação +V que vem do controlador e ligar em uma fonte separada, deixando em comum para ambos circuitos a ligação do GND, que servirá para referenciar os dois circuitos, ficando assim uma alimentação independente do controlador.
.
Você pode também se interessar por:

OBS.: Os pinos de entrada do módulo funcionam de forma inversa, já que estamos conectando as conexões de ativação do Opto-acoplador no positivo da fonte e o negativo do Opto-acoplador na porta digital, isso significa que quando a porta estiver em nível lógico ALTO, ela emitirá os 5V na sua saída, ocasionando o não ddp "diferença de potencial" no opto-acoplador que não ativará o led emissor de luz, quando o nível lógico do controlador estiver em BAIXO, na sua GPIO, "porta", estará em nível BAIXO, ou seja GND, terra, negativo, etc, o que fará com que a corrente flua vindo dos 5V da fonte, passando pelo Opto-acoplador e terminando no GND, fazendo o ciclo causando a ddp, e acendendo o LED, com isso acionando a carga através da alimentação do base do transistor que conduzirá para acionar o RELÉ.

ATENÇÃO: Tenha muita atenção nas ligações da carga, estamos tratando de ligações direto na rede elétrica, existe risco de choque elétrico, que pode causar lesões simples até mesmo lesões letais, se você não tem experiências, não faça esse circuito em ambiente em que você se encontra sozinho, compartilhe do seu projeto com pessoas mais experientes, nós não nos responsabilizamos por qualquer danos causados por suas ações.

Estamos dispondo para Download os materiais necessários para quem deseja montar com a PCI - Placa de Circuito Impresso, os arquivos estão divididos em 3 pastas, para cada modelo que você precise montar, e em cada pasta estamos dispondo os devidos arquivos em PDF e arquivos GERBER para quem deseja enviar para impressão.
Fig. 6 - Módulo Relé Acionamento digital PCB 3D


Download:

Link Direto: Arquivos PDF, GERBER

E por hoje é só, espero que tenham gostado!!!

Qualquer dúvida, digita nos comentários que logos estaremos respondendo.

Se inscreva no nosso Blog!!! Click aquiFVM Learning!!!

Forte abraço.

Deus vos Abençoe

Shalom